• Home
  • Notícias
  • Credenciamento ao Agros - Você sabe como funciona?

Credenciamento ao Agros - Você sabe como funciona?

Publicado em

Os credenciados ao Agros são os profissionais - médicos, dentistas, fisioterapeutas, nutricionistas, psicólogos, fonoaudiólogos, terapeutas ocupacionais - e também os hospitais, clínicas e laboratórios que atendem os beneficiários do plano de saúde.

A seguir, conheça um pouco de como funciona o processo de credenciamento ao Agros.

 

Qualquer profissional ou estabelecimento pode se credenciar ao Agros?

Para serem credenciados ao Agros, os profissionais e estabelecimentos de saúde devem preencher uma série de requisitos em cumprimento à legislação e regras da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) e à Norma de Credenciamento e Descredenciamento do Agros, que visam garantir a segurança e a qualidade do atendimento dos beneficiários.

Atualmente, o Agros conta com um Comitê Médico e um Comitê Odontológico. responsáveis por analisar os pedidos de credenciamento, acompanhar a relação com os credenciados e, eventualmente, realizar descredenciamentos e substituições entre os prestadores de serviço.

 A Norma de Credenciamento e Descredenciamento completa pode ser lida aqui

 

Como é feito o credenciamento ao Agros?

O credenciamento pode acontecer de duas maneiras:

  • O profissional ou um estabelecimento de saúde pode entrar em contato com o Instituto e manifestar o interesse em atender os beneficiários. Neste caso, a solicitação é enviada para um dos Comitês, que analisa o número de prestadores de serviços daquela especialidade que já são credenciados na cidade demandada ou na região, o potencial de beneficiários a serem atendidos e a capacitação e/ou estrutura que seria oferecida para o atendimento, e define se é favorável ao credenciamento ou não.
  • Quando é preciso aumentar a rede de cobertura em uma especialidade ou substituir um profissional que se descredenciou, o Agros pode divulgar um edital de credenciamento e estabelecer um período para receber solicitações dos interessados ou fazer busca ativa por profissionais para serem credenciados. 

 

Quais são os pré-requisitos para ser credenciado ao Agros?

  • Para atender os beneficiários do Agros o profissional ou estabelecimento deve cumprir os seguintes requisitos:
  • Prestar serviços dentro da área geográfica de abrangência dos planos administrados pelo Agros. A área de abrangência está definida no regulamento de cada plano.
  • Apresentar a documentação completa que é pedida pelo Agros, que pode variar de acordo coma área de atuação/especialidade e a forma de contratação pretendida (pessoa física ou jurídica).
  • Ser habilitado e apresentar certificado emitido pelos devidos Conselhos de Classe para a prestação de serviços dentro de sua área de formação e especialidade.
  • Solicitar o credenciamento em, no máximo, duas especialidades.
  • Ter experiência comprovada de dois anos na especialidade requerida.
  • Com exceção das especialidades que não precisem de atendimento hospitalar, os profissionais de saúde devem ter vínculo com hospitais credenciados ao Instituto, de forma que seja possível o atendimento a pacientes internados e que necessitem de atendimento cirúrgico.

Existem outros pré-requisitos que são estabelecidos na Norma de Credenciamento e Descredenciamento e que também devem ser cumpridos.

 

O Agros pode negar um pedido de credenciamento?

O Agros pode optar por não realizar um credenciamento, mesmo que uma solicitação cumpra os critérios exigidos.

A ANS tem regras relacionadas ao “dimensionamento da rede credenciada”, ou seja, à capacidade de atendimento das demandas dos beneficiários, e à necessidade de substituição de prestadores de serviços descredenciados, o que também é levado em consideração pelo Agros antes de realizar o credenciamento.  

 

Um profissional credenciado pode deixar de atender pelo Agros?

Sim. Os prestadores de saúde da rede credenciada podem solicitar o descredenciamento, ou seja, podem encerrar o contrato com o Agros e deixar de atender pelo plano se assim desejarem. Eles também podem ser descredenciados pelo Agros.

As principais razões de descredenciamento de um profissional ou estabelecimento pelo Agros  são:

  • reincidência de notificações após reclamações de beneficiários relacionadas ao atendimento;
  • cobrança de honorários diretamente ao beneficiário de um procedimento que faz parte do contrato do Agros com o profissional de saúde;
  • solicitações de procedimentos sem indicação clínica correta, comprovadas por meio de auditoria técnica presencial ou de documento que comprove a não adequação;
  • necessidade de redimensionamento da rede credenciada.

O descredenciamento ocorre apenas após a abertura de um Processo Administrativo e a avaliação e deliberação da Diretoria Executiva do Agros.

Sempre que for agendar uma consulta, o beneficiário deve avisar que ela será feita pelo plano de saúde do Agros, para que seja informado caso o profissional não faça mais parte da rede credenciada.

 

 É possível se consultar ou fazer algum procedimento com um profissional que não é da rede credenciada?

O beneficiário pode se consultar ou fazer algum procedimento com um profissional que não é credenciado e depois pedir o reembolso, desde que a área de formação (especialidade) e o procedimento tenham cobertura do plano de saúde.

Para saber mais sobre como funciona o reembolso, acesse o Manual disponível em https://www.agros.org.br/institucional/manual-de-reembolso.

 

 

Agros: previdência, saúde e qualidade de vida no presente e no futuro!